• Capa do CD Bonde da Madrugada, da Cone Crew Diretoria
  • Emicida com Beatnick e K-Salaam
  • Rappin Hood em campanha da CBF contra o preconceito no futebol
  • CD Illmatic, do Nas
  • Ogi, Emicida, DJ Caique, Rael e Kuririn em inSOMnia
  • Vinil especial Duas de Cinco, do Criolo
  • Capa Em Favor do Réu, do Síntese e Projetonave
  • Eduardo

Criolo e Rappin’ Hood participarão do filme “Acorda, Brasil”, com Lázaro Ramos

Com participação de Lázaro Ramos, o filme “Acorda, Brasil” terá atuação do rapper Criolo e música de Rappin’ Hood na trilha sonora. A direção é de Sérgio Machado.

De acordo com “O GLOBO“, “Acorda, Brasil“, do diretor de “Cidade Baixa” (2005), contará a história da orquestra Orquestra de Heliópolis, criada pelo maestro Silvio Bacarelli para estimular a inclusão cultural de jovens de uma das maiores favelas paulistanas. Nos anos 1990, Bacarelli começou a formar músicos egressos de comunidades menos abastadas de São Paulo.

Atuando, Criolo é quase uma entidade“, disse o ator Lázaro Ramos, confirmando a qualidade do colega. Aliás, esta não será a estreia de Criolo em filmes; o rapper foi protagonista de “Profissão MC“, de Alessandro Buzo e Toni Nogueira.

Em “Acorda, Brasil“, Criolo será o antagonista e interpretará um traficante chamado Cleyton. Além dele, outro rapper se destacará no longa: Rappin’ Hood foi convidado pelo diretor para estar na trilha sonora. Junto com Eduardo BiD, Hood produziu a música “Nu Rolê (eu vou)“.

Criolo em filme Acorda, Brasil